BEM-VINDOS A ESTE ESPAÇO

Bem-Vindos a este espaço onde a temática é variada, onde a imaginação borbulha entre o escárnio e mal dizer e o politicamente correcto. Uma verdadeira sopa de letras de A a Z num país sem futuro, pobre, paupérrimo, ... de ideias, de políticas, de educação, valores e de princípios. Um país cada vez mais adiado, um país "socretino" que tem o seu centro geodésico no ministério da educação, no cimo do qual, temos um marco trignométrico que confundindo as coordenadas geodésicas de Portugal, pensa-se o centro do mundo e a salvação da pátria.
__________________________________________________________________

domingo, 25 de maio de 2008

ABASTECER NA GALP? NEM QUE A RAPARIGA DA BILHA ME LEVE AO COLO!

Não ao abastecimento na Galp, na BP e na Repsol.

Não ao abastecimento na Galp, na BP e na Repsol

Enquanto os portugueses vão deitando contas à vida, em Espanha, os preços vão mantendo alguma estabilidade, como se o custo do petróleo tivesse um preço diferente para os espanhóis. Só o gasóleo custa em Espanha menos cerca de 30 cêntimos que em Portugal e na gasolina a diferença é ainda maior.

Só a BP, por exemplo, no 1.º trimestre, obteve um lucro 53% superior ao do mesmo trimestre do ano passado e a Galp lucrou 23% e a Repsol um lucro de 39%. Estamos a falar de LUCROS RECORD das petrolíferas, não se esqueçam.

Será que o governo não tem meios para pôr cobro a esta pouca vergonha? Ou será porque o governo também ganha com o aumento dos combustíveis e que tem que compensar as suas contas, em função da redução do IVA em 1%, já a partir de Junho?

Os combustíveis sobem quase sempre que se descobrem novas reservas de petróleo no mundo como aconteceu quando recentemente foi anunciada há poucos dias a descoberta, no Brasil, de uma das maiores reservas de crude do mundo, num consórcio de empresas que inclui a Galp. Foi o que aconteceu em Portugal.

Curiosamente, depois da visita de Sócrates à Venezuela e dos acordos assinados para a importação de petróleo venezuelano, também voltou a subir.
Até quando seremos forçados a sofrer esta escalada escandalosa do preço da gasolina? Um governo verdadeiramente preocupado em imprimir uma maior dinamismo à economia e atento aos problemas sociais, já teria assumido a sua função moralizadora pondo termo a esta especulação sem limites.



Combustíveis: de aumento em aumento até quando, esta VERGONHA?

3 comentários:

maverick disse...

Acho piada ao facto do lucro da BP e da Repsol ser em percentagem sobre o valor do primeiro trimestre do ano passado, e o da Galp ser um valor concreto. 175 milhões para leigo ou distraído pode ser muito, mas até pode ser -0.1 % do que o lucro do trimestre anterior.

Lamento a falta de rigor, já que seria para fazer um post sério. Adiante:
Acho piada ao facto de a referência inicial ser feita à Galp (mais uma vez) - a piada seria boa se não fosse continuar a bater no ceguinho. Junto a isto a tristeza das pessoas e aos mails que por aí circulam, de boicotar a BP e a Galp, como se ganhassemos alguma coisa em dar dinheiro à Repsol, não é por ser espanhola que a gasolina é mais barata neste canto à beira mar plantado.

Bem, deixando de divagar: Sem dúvida que brevemente algo terá que ser feito, tal como acredito que já se estarão a estudar formas de reduzir o preço dos combustíveis. Mas vamos ter senso, e como se poderá compreender não se pode dizer "amanha a gasolina vai baixar 10 centimos e o diesel 20", e já está. Acrescentado a liberalização ao valor dos combustíveis (obrigado ó Barroso) desde 2004, que torna a intervenção do governo bastante mais difícil.

Concluíndo rapidamente que se faz tarde, prefiro deixar o meu dinheiro com uma empresa nacional, que alimentar os espanhóis ou ingleses, já que a menos que deixe de andar de carro não vou poder deixar de abastecer. Boa sorte para os que o fizerem.

Francisco disse...

Maverick
Quero dizer-lhe antes de mais que a correcção está feita. Como foi uma linkagem anterior às outras, não a corrigi na altura até porque, como pode ver no link da notícia, a percentagem está lá para quem quisesse saber.
Nada na manga, não tenho comissões em nenhuma delas nem nas outras gasolineiras. Peço desculpa se isso foi um "pormenor maior".

Algo terá de ser feito não, já deveria ter sido feito há muito porque o povo português não está a ser massacrado com o preço do petróleo, está a ser massacrado com os preços de TUDO num esforço que é titânico que o Sócrates não sente porque se nem sequer paga a multa do fumo no avião, quanto mais pagar a gasolina no carro em que anda.
O seu autismo e arrogância, não lhe permite espaço para corrigir o que quer que seja, não vão as pessoas ainda pensar que ele está mas é a voltar atrás.
E quando o crude baixar de preço, a gasolina também vai baixar em Portugal?

Eu não tenho prazer nenhum em deixar o meu dinheiro em empresas espanholas, inglesas ou sejam elas quais forem. Obviamente que prefiro deixá-las a nacionais.
Mas não estou a ver NINGUÉM a ter o prazer de pagar MAIS CARO só por ser nacional estando a viver a crise que todos conhecemos embora nem todos a sintam.
Quando vai ao supermercado o que procura? O que é nacional ou o que é mais barato? E no vestuário, vê as etiquetas ou preocupa-se com o preço?
Não sei se trabalha ou tem interesses na Galp, mas não estou a ver quem quer que seja a pagar mais só por ser nacional e depois quando precisarem para comer não terem. Acredita?

Gomez disse...

- Mas há só uma solução ... o Governo tem de baixar o Imposto aplicado sobre a Gasolina, Gasóleo, etc...!!! E m'ai nada!!!